Oops, looks like the page is lost.

This is not a fault, just an accident that was not intentional.

Saúde

IX Semana do Bebê

Em meio a uma pandemia, nada mais oportuno que a lição de que crescer, de forma saudável, é essencial. É por isso que, há nove anos, a Prefeitura de Campina Grande realiza a Semana do Bebê, evento promovido pelo Fundo das Nações Unidas para a infância (UNICEF) e realizado mundialmente em atenção à primeira infância.

Este ano o tema será “Paternidade e Cuidado”, chamando a atenção para a necessidade de engajamento dos pais nos cuidados com a criação dos filhos, na saúde, educação e cultura. O objetivo é também colaborar para a construção das relações de afeto e segurança para as crianças dentro das famílias.

A abertura da IX Semana do Bebê realizada às 9h desta segunda-feira, 07, com a inauguração da Creche Municipal Maria Alvina da Silva, no bairro do Serrotão. A expansão da oferta do ensino infantil e da pré-escola também faz parte da estratégia para a consolidação de serviços para a primeira infância.

A Semana do Bebê é realizada nos municípios que têm o Selo UNICEF, que reconhece as cidades que estabelecem políticas públicas eficientes para o bom desenvolvimento das crianças. O padrinho da campanha será o prefeito eleito Bruno Cunha Lima, que pretende avançar ainda mais nas políticas para a primeira infância.

As ações da Semana do Bebê envolvem várias secretarias municipais, que se empenham em promover atividades sobre a temática. Cada Unidade Básica de Saúde, escola, creche, espaços de lazer, cultura e assistência social tem suas próprias programações. Serão realizadas várias palestras presenciais e virtuais.

Ao final da Semana do Bebê, serão escolhidos os Bebês Prefeito e Cidadão. O Bebê Prefeito será aquele que nascer na maternidade do Instituto de Saúde Elpídio de Almeida (ISEA), durante esta semana, de parto natural e a mãe precisa ter realizado todas as consultas de pré-natal, tomado as vacinas indicadas e realizado os exames recomendados, entre outros critérios.

Já o Bebê Cidadão também é escolhido seguindo os mesmos requisitos, mas tendo nascido na rede complementar do SUS em um dos Hospitais Amigos da Criança, que são a CLIPSI ou FAP.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Botão Voltar ao topo